STJ é premiado na categoria Diamante durante entrega do Selo Justiça em Números


O ministro Dias Toffoli entregou o prêmio ao ministro Marco Buzzi, que representou o presidente do STJ. O corregedor nacional de Justiça, ministro Humberto Martins, também participou do evento.

O Superior Tribunal de Justiça (STJ) recebeu nesta segunda-feira (3) o Selo Justiça em Números 2018 na categoria Diamante. A honraria foi entregue pelo presidente do Supremo Tribunal Federal (STF) e do Conselho Nacional de Justiça (CNJ), ministro Dias Toffoli, ao ministro Marco Buzzi, que está representando o presidente do STJ, ministro João Otávio de Noronha, no 12º Encontro Nacional do Poder Judiciário, em Foz do Iguaçu (PR).

A cerimônia de premiação contou também com a participação do ministro do STJ Humberto Martins, corregedor nacional de Justiça.


O STJ recebeu o Selo Justiça em Números 2018 na categoria Diamante

O evento acontece até esta terça-feira (4) e reúne os presidentes de 91 tribunais brasileiros, sob a coordenação do CNJ. Um dos objetivos do encontro é aprovar as metas nacionais e específicas do Judiciário para 2019 e divulgar os tribunais que foram premiados com o Selo Justiça em Números.
O selo foi criado em 2013 e possui as categorias Diamante, Ouro, Prata e Bronze. O reconhecimento é dado aos tribunais que investem na excelência da produção, gestão, organização e disseminação de suas informações administrativas e processuais.
Entre as exigências para recebimento do Selo Justiça em Números está a implantação, pelos tribunais, de núcleos socioambientais, conforme previsto na Resolução CNJ 201, de 2015, que determina aos órgãos do Poder Judiciário a implementação do Plano de Logística Sustentável (PLS) para reduzir o impacto ambiental de suas atividades.
Na edição deste ano, dar prioridade aos julgamentos de ações de violência doméstica e homicídios também passou a valer pontos na disputa pela principal categoria.
Fonte: STJ