Aberto processo seletivo para exposições temporárias no Espaço Cultural STJ

O Superior Tribunal de Justiça (STJ) abre processo seletivo para expositores interessados em integrar o calendário anual 2019 de Eventos e Mostras Temporárias do Espaço Cultural STJ, em Brasília. As propostas podem ser entregues até o dia 6 de novembro.

Os interessados devem entregar as propostas acompanhadas de dossiê do(s) artista(s) ou produtor(es) de forma presencial, eletrônica ou via correspondência. A exposição de artes plásticas pode ser individual ou coletiva. Confira o edital.

As propostas serão selecionadas por comissão instituída pela Diretoria-Geral do STJ. Estão entre os critérios de seleção: adequação do projeto ao espaço físico e à imagem institucional do STJ, originalidade, qualidade técnica, atratividade do tema e contribuição ao enriquecimento sociocultural da comunidade.

Contrapartida

Além do espaço, o tribunal disponibilizará serviços como programação visual, iluminação, cobertura televisiva, radiofônica e fotográfica. Em contrapartida, o artista selecionado deverá doar à pinacoteca do tribunal uma obra de arte de sua autoria que componha a exposição.

O STJ oferecerá, a seu critério, serviços de divulgação das exposições selecionadas junto à imprensa e ao seu público interno. Será produzido e disponibilizado ao artista material de divulgação em meio digital. Para isso, o artista deverá elaborar release e texto de apresentação da mostra, além de material fotográfico com imagens das obras em alta resolução, acompanhadas das respectivas fichas técnicas.

Comercialização

Fica a critério do artista a comercialização das obras, no entanto, as peças vendidas somente poderão ser retiradas do Espaço Cultural STJ ao término da exposição. Não é autorizada a colocação dos preços nas respectivas etiquetas das obras, mas os valores poderão constar em listagem específica, disponibilizada na sala de exposição ou na recepção do espaço.

Outras informações podem ser obtidas na Coordenadoria de Memória e Cultura do STJ, pelos telefones (61) 3319-8521, 3319-8460 e 3319-8373 ou pelo endereço eletrônico espaco.cultural@stj.jus.br.
Fonte: STJ